Arquivo de Tag | tratamento

CABELOS DANIFICADOS? RECUPERE-OS AGORA!

De nada adianta você estar impecável no look e na maquiagem, se seus cabelos não estiverem a altura do glamour, pois seus cabelos são a moldura do seu rosto, e consequentemente são parte integrante de todo o resto. Portanto eles também devem estar impecáveis.

danif1

Quando se fala em cuidar da moldura do rosto (cabelos) logo pensamos que se trata de uma tarefa complicada, ainda mais para quem sofre com cabelos finos, fracos, quebradiços. Mas não é, acredite! Você só precisa conhecer os fatores que fazem seu cabelo enfraquecer e tentar evitá-los ao máximo.

A deterioração do fio pode ocorrer da raiz às pontas. Em geral, esse processo inicia com o enfraquecimento da cutícula (a camada externa que o protege), o que provoca o ressecamento dos fios e com isso o aparecimento das pontas duplas. Tudo isso se deve a fatores como o sol, que se tomado em excesso contribui para a perda da cor, brilho, hidratação e maciez do cabelo, devido aos raios ultravioletas; o calor, que também danificam a cutícula, causando perda de elasticidade e brilho, devido ao uso excessivo de secador, chapinha, modelador de cachos e banhos com água muito quente; aos produtos químicos, que se usados frequentemente podem modificar severamente a estrutura dos fios e até danificar o couro cabeludo e principalmente a cutícula do cabelo; a escovação do cabelo várias vezes ao dia, tende a enfraquecer o cabelo, pois acabamos “descolando” os fios do couro cabeludo; o excesso de lavagem pode remover sua oleosidade natural, tornando-o opaco e seco. Cada cabelo tem uma necessidade e ela precisa ser respeitada.

danif4

Além destes fatores principais, os penteados devido aos fixadores, e os acessórios, como elásticos, fivelas ou presilhas, se usados durante muitas horas, podem estimula a queda, deixando os fios quebradiços e sem brilho.

Sem contar que o fator alimentação é o curinga de tudo! O fio de cabelo é um tecido sem vida, formado por uma proteína chamada queratina. Para mantê-lo saudável, o sangue precisa estar repleto de nutrientes para alimentar os folículos do couro cabeludo que dão origem a novos fios. Se você não se alimenta bem, sofre de algum tipo de carência de vitamina, ou estiver a fim de “turbinar” as vitaminas do seu organismo para ter um cabelo mais saudável, conheça a fórmula de crescimento de cabelos que postei a uns dias atrás aqui no blog, que além das vitaminas do Complexo B, ainda tem biotina, ômega 3, ômega 6, zinco, selênio, metionina e vitamina E. Chama-se PILL FOOD e a fórmula está AQUI. E para complementar o tratamento, consuma regularmente frutas, verduras e frutas secas, como amêndoas.

danif3

Para defender seus cabelos destes agressores, aí vão algumas dicas básicas:

Sol: Proteja seu cabelo tanto no verão como no inverno. Use chapéus e lenços, shampoos e condicionadores que contenham filtro UV. Outra dica bacana é aplicar um creme sem enxágue antes de sair de casa, ainda mais se for a um passeio ao ar livre.

Calor: Se tiver que usar o secador, deixe o cabelo secar parcialmente ao natural para que a exposição ao calor do secador seja a menor possível. Quando for usar prancha ou o modelador de cachos, tente não deixá-los mais de dois segundos sobre a mesma mecha para não queimar o cabelo. Aplique antes um produto protetor em spray, óleo ou creme, e lembre-se de tratá-lo com um bom tratamento na próxima lavagem.

Produtos químicos: Se você pretende tingir, alisar ou cachear quimicamente seu cabelo, sempre procure um profissional para aplicar os melhores produtos e tratamentos. Quando se tenta fazer qualquer um desses procedimentos em casa, é grande a probabilidade de danificar seriamente o cabelo.

Escovação: Use uma escova de cerdas suaves e naturais, que ativam a circulação do couro cabeludo e relaxam os fios. Escove o cabelo com delicadeza e paciência, separando as mechas sem puxar. Quem tem cabelo liso não deve tentar desembaraçá-lo quando ele estiver molhado. No caso do cabelo ondulado ou cacheado, o procedimento deve ser o contrário. Penteie quando estiver úmido para evitar que os fios se quebrem.

Lavagem: Se você tem cabelos oleosos, pode lavá-lo todos os dias; já os cabelos mais secos devem ser lavados com menos frequência. Seja qual for o seu caso, escolha sempre um shampoo e um condicionador adequados ao seu tipo de cabelo, sobretudo os indicados para a reparação e nutrição. Gosto muito da linha Dove Reconstrução Completa, indico para todas as mulheres com cabelos fracos, secos ou quebradiços. Falo deles AQUI.

Também sou adepta a cauterização capilar, que trata-se de uma hidratação profunda dos fios, recuperando sua elasticidade natural. Super indico este tratamento para quem está com os cabelos danificados. Para aprender como fazer a cauterização nos cabelos em casa, clique AQUI.

E por último, saiba que seus cabelos fazem parte de você. E merecem tanto cuidado quanto qualquer outra parte do seu corpo.

Bjs

Sol Ferrari

Anúncios

RINITE ALÉRGICA: COMO EVITÁ-LA DURANTE A PRIMAVERA

rinite1

Para muitas pessoas, a chegada da primavera é um verdadeiro tormento, a estação mais bela do ano, e das flores, pode ser um pesadelo para quem sofre de alergias. Graças a Deus eu não sofro disso, mas conheço muitos amigos que ficam literalmente “podres” nesta estação, e morro de dó quando os vejo ranhentos e espirrando sem parar, por causa de alergias decorrentes desta estação.

rinite2

Estas alergias são causadas pelo pólen das plantas. Nesta época do ano é comum as crises de asma, rinite alérgica, conjuntivites. Algumas pessoas podem ainda ter falta de ar a chiado no peito. Essas alergias são conhecidas como sazonais ou primaveris.A primavera é um período bastante intenso para a polinização das plantas. É durante esta época que os grãos de pólen, são levados até as partes femininas das flores de várias formas, algumas delas são o vento e os insetos por exemplo. E com isso se aumenta uma quantidade considerável de grãos no ar.

Algo que pode ajudar você que sofre destas alergias na Primavera é fechar as janelas, utilizando ar condicionado para limpar o ar (desde que esteja com a revisão em dia). O ar condicionado dos automóveis também devem ter o seu filtro trocado nesta época.

rinite6

Limpar sempre a casa também ajuda bastante, principalmente seu quarto, onde você passa a maior parte do tempo. Mas é essencial que você descubra qual o tipo de alergia que possui. Para isso, consulte um médico. Isso porque as alergias podem ser de origem genética e neste caso não podem ser evitadas.

Outra fonte de alergias são os jardins e plantas ornamentais criadas em casa, ou mesmo árvores com flores exuberantes, são uma fonte praticamente certa desse tipo de alergia principalmente para pessoas que tenham doenças alérgicas hereditárias definidas.

rinite4

Mas também isso não é um bicho de sete cabeças. é simples evitar crises alérgicas ou pelo menos tratá-las com menos sofrimento.

Veja as dicas:
Carregue consigo sempre uma peça a mais de roupa, para que possa estar preparado para uma mudança brusca de temperatura, principalmente aqui em Curitiba. Você estará evitando um choque térmico e assim evitará também uma crise alérgica.

Óculos escuros são uma boa dica. Além de acessórios estilosos e perfeitos para se proteger os olhos da claridade, protegem também do pólen, para quem sofre de alergias eles são uma ótima alternativa, evitando assim uma vista lacrimejante e irritada.

Evite o acúmulo de pó em sua casa ou no escritório. E também evite lugares com excesso de pó. Permaneça sempre calçado e se preciso utilize máscara ou óculos escuros em lugares potecialmente perigosos. Por exemplo, se passar próximo a uma fogueira.

Se tiver plantas em casa, deverá cobrir a terra dos vasos com a chamada gravilha, evitando a formação de bolores mofos, podendo desencadear uma crise alérgica.

Ao chegar em casa, sempre limpe bem os pés, sacudindo ou passando uma escova em sua roupa, mude de roupas, e caso esteja com pólens ou pó nas roupas, uma boa opção é lavar as roupas com água morna ou quente eliminando todos os ácaros.

Se você for fumante, aí o bicho pega! O fumo agrava sintomas de alergias da primavera, principalmente as relacionadas ao sistema respiratório. Este pode ser o grande momento para você decidir parar de fumar.

Dicas naturais e baratinhas para evitar as crises alérgicas: Passe pano umedecido em vinagre de álcool em toda a casa, inclusive nos móveis. O vinagre neutraliza o ar e evita a formação de fungos.

Usar ducha nasal feita com cloreto de sódio alivia as coceiras no nariz: Dissolva uma colher (chá) de sal de cozinha em 200 ml de água morna. Coloque a solução em uma ducha nasal. Deixe a água entrar e sair pelas narinas alternando os lados. Faça isso antes de ir para a cama.

O chá de eucalipto é um excelente remédio para tratar alergias, principalmente a rinite: Coloque as folhas de eucalipto numa xícara e cubra coma água fervente. abafe, espere amornar, coe e beba a seguir, adoçado com mel.

Se achar que estas dicas são ainda insuficientes, você pode tomar uma vacina específica para esta época do ano. Porém consulte seu médico para ter o melhor tratamento.

Cuide da sua saúde para curtir esta estação tão linda e colorida!

Bjs e bom final de semana, meus queridos.

Sol Ferrari

CINOMOSE É FATAL! CUIDE DO SEU CÃO

Gente, neste post eu não vou postar foto alguma desta doença canina, porque não tenho nem coragem de pesquisar nada! É sério! O Igor e eu perdemos a luta contra esta doença com a nossa pequena Lara, de apenas 3 meses. Foi uma experiência traumática da qual não gosto nem de lembrar. Em apenas um semana, a doença se alastrou e a matou.

A CINOMOSE é a PIOR e a mais CRUEL doença que seu amiguinho pode ter. Quando ela não mata na maioria dos casos, deixa sequelas horríveis no animal, quase irreversíveis, a ponto dele não conseguir nem andar pelo resto da vida. Então por favor, você que ama animais de estimação, especialmente cachorros, PRESTE MUITA ATENÇÃO NO QUE EU VOU EXPLICAR AGORA:

A cinomose é considerada a maior ameaça à saúde dos cachorros depois da raiva. Estima-se que a taxa de mortalidade varie de 25 a 75% entre os animais doentes. Assim sendo, a resposta do animal à doença parece ser um fator muito importante na sua recuperação.

Porém, apesar desse prognóstico ruim, um cachorro com cinomose precisa receber tratamento médico o mais rápido possível, pois quanto mais cedo o veterinário puder medicá-lo, melhores as chances de sobrevivência. Vale lembrar que o tratamento da cinomose é sintomático, ou seja, procura diminuir a intensidade dos sintomas decorrentes da doença, enquanto o organismo do animal tenta se recuperar.

Tratar dos sintomas é fundamental para diminuir o sofrimento do seu cachorro ou mesmo permitir que ele tenha forças para se recuperar. Mesmo depois de curados muitos cães podem manifestar sintomas neurológicos por toda a vida.

De que seu cachorro vai precisar:
Orientação de médico veterinário COMPETENTE!
Água
Dieta leve
Medicamentos
Muito carinho e atenção de você

Procure o veterinário assim que perceber qualquer possível sintoma de cinomose.
Os primeiros sinais são: apatia e perda de apetite, vômito, diarréia, tosse, respiração ofegante, corrimento nasal e secreção nos olhos.

Procure deixar seu cachorro doente num ambiente bem confortável e longe de outros animais pois a cinomose é contagiosa. Deixe-o ficar em um local tranquilo, com temperatura agradável e sem corrente de ar.

Mantenha seu cachorro higienizado e em local bem limpo. Limpe as secreções dos olhos e do nariz, não deixando formar crostas. Uma boa opção para limpeza é o uso de algodão embebido em soro fisiológico ou mesmo água filtrada.

Deixe água limpa à disposição. A ingestão de líquido é necessária para evitar a desidratação. Cachorros gravemente desidratados podem precisar receber tratamento em hospital veterinário. Se ele precisar de ajuda para beber água, uma seringa pode ser muito útil para a administração. Mas atenção: sempre em pequenos goles e pelo canto da boca, para ele não se afogar!

Ofereça-lhe uma dieta leve, conforme recomendação do veterinário. O veterinário também pode receitar medicamentos para tratar sintomas de vômitos e diarréia, caso ocorram.

Dê á ele corretamente os medicamentos receitados pelo veterinário. A medicação geralmente inclui antibióticos para tratar ou prevenir infecção e anticonvulsivos e sedativos para controlar ataques, além dos remédios que podem ser receitados para diarréia e vômito.

Espero de coração que vocês que amam cachorros NUNCA passem por esta experiência. Portanto, fiquem de olho do seu amiguinho. Ao menor sinal de anormalidade, corra com ele para o veterinário. Não deixe para depois pois esta doença é muito rápida.

E só para não fechar a matéria com este clima triste, já que eu citei a Lara, vou falar que ela era a irmãzinha caçula do Bravo Valentino, meu gurizão chow chow de 5 anos, que eu amo!!! Meigo, simpático, carinhoso e muito obediente. Como já falei da Bionda no post anterior (AQUI), não seria justo com ele, não fazer uma pequena homenagem a este meu fofão!

bravinho
Prazer, Bravo Valentino.

Bjs

Sol Ferrari