Arquivo de Tag | receita

RECEITA DE WRAP DE FRANGO COM MAIONESE E PÁPRICA PICANTE

Wrap! Essa palavra me deixa com água na boca! 

wrap1

A origem do nome “Wrap” vem do verbo inglês “to wrap”, que significa embrulhar. Isso mesmo, os Wraps são bem isso, umas trouxinhas que na verdade são sanduíches embrulhados ou enrolados em pães de massa bem fina, como o pão sírio, massa de crepe ou tortilhas compradas prontas. O wrap é uma iguaria leve, saudável, sem frituras, e muito saboroso. Vale a pena provar.

O recheio fica por conta da sua criatividade. São várias opções para todos os paladares. Mas hoje vou passar a minha receita. Muito fácil e muito saborosa,  e que fez muito sucesso aqui em casa ontem a noite… não sobrou nem para os cães!

WRAP DE FRANGO COM MAIONESE E PAPRICA PICANTE:

Ingredientes:

100 gramas de peito de frango congelado

02 ovos

½ xícara de maionese

3 tomates

1 colher de sobremesa de páprica picante

1 fio de azeite de oliva

1 alface americana

Pão sírio, massa de crepe ou tortilhas (á vontade para fazer quantos desejar)

Descongele o peito de frango no microondas (30 segundos), corte em fatias finas, tempere com sal e pimenta e cozinhe em uma frigideira. Reserve.  Misture a maionese com a páprica e azeite, acrescente sal e pimenta a gosto.  Corte o tomate em cubos (sem a semente).

*Detalhe: Você pode variar o sabor da maionese… substituindo o sabor tradicional pela maionese de atum, molho tártaro, azeitona, ervas finas… etc… também fica uma delicia.

Aqueça a massa escolhida para o wrap no micro-ondas (mais ou menos 10 segundos) e espalhe a maionese, a alface picada, o tomate e o frango. Enrole a tortilla e corte ao meio. Sirva com salada e uma cervejinha bem gelada.

wrap2

Bom apetite.

Abraço,

Igor 

Anúncios

SEMANA DA SAÚDE: Beterraba

Agora é a vez da Beterraba (Adooro)!!!

beterraba
Desta raiz, pode-se extrair açúcar. Por isso é contra-indicada para pessoas diabéticas ou com sobre peso. Apesar disso, a beterraba possui vários nutrientes, como vitaminas A, B e C, além de sais minerais, como sódio, potássio, zinco e magnésio. Por conter quantidade relevante de ferro, seu consumo é indicado para quem sofre de anemias.

Também é indicado como auxiliar no tratamento de doenças do baço e do fígado, e também auxilia na prisão de ventre, por ter propriedades laxantes.

A beterraba tem 50kcal em cada 100g.

Curiosidade: Na Grécia Antiga, a beterraba era popular graças ás suas propriedades curativas, sendo muito utilizada para baixar febre dos doentes.

Bjs

Sol Ferrari

MOLHO BARBECUE (molho de churrasco)

Mais um molho que leva medalha de ouro aqui em casa: molho barbecue.

barbecue2
Barbecue é um termo inglês que significa churrasco. Um tradicional molho americano, usado para pincelar a carne enquanto é assada. É utilizado também para acompanhar a carne na hora de comer. Tem muitas influências e dizem que sua origem veio de Cristóvão Colombo. O primeiro molho barbecue comercial foi lançado no mercado em 1923, porém, 20 anos mais tarde, quando foi lançado pela Heinz (o meu predileto), o produto se transformou em um condimento extremamente popular, utilizado em todos os churrascos.

A base deste molho é o catchup. Mas recomendo que prepare o seu próprio catchup ao invés de usar o industrializado. Nem sempre “fabrico” meus molhos Barbecue em casa, pois o molho da Heinz é de fato, muito bom. Mas vou deixar a receita aqui para quem quiser se aventurar na cozinha e surpreender a família e as visitas.

barbecueheinz

O preparo requer atenção e tempo, mas o resultado final é compensador. Você vai precisar de:
01 lata de extrato de tomate (o melhor que puder comprar)
A mesma medida da lata de açúcar refinado e de vinho tinto
01 pitada de sal.
Misture tudo e descanse. Esta receita rende aproximadamente 01 litro de molho.

Agora pegue a panela:
Em fogo baixo, refogue um dente de alho bem amassado em azeite. Quando estiver dourado, junte:
01 xícara do catchup caseiro
02 colheres sopa de vinagre balsâmico
02 colheres sopa de molho inglês
02 colheres sopa de mostarda
03 colheres sopa de mel
03 colheres sopa cheias de açúcar Demerara
02 folhas de louro
02 gotas de Tabasco
01 pitada de sal

Mexa em fogo baixo até engrossar um pouco. Vá controlando o sal e a pimenta.
E está pronto. Você pode guardar na geladeira em pote bem fechado por bastante tempo.

Minhas sugestões:
Acrescente ao molho uma lata de cerveja escura, tipo Malzbier. Dará um toque adocicado ao molho.
Gengibre torna o molho mais picante, mas deve ser refogado fatiado, junto com o alho.
Se o molho for para acompanhar frango, acrescente um pouco de curry. Vai destacar o sabor da carne.
Aniz, cravo, canela, etc, também são usados. Eu particularmente não gosto, pois altera muito o aroma tradicional do molho.

Neste final de semana, estaremos recebendo um casal de amigos para o jantar. E o menu será… Costelinha de Porco ao Molho Barbecue… que tal, hein? Vou preparar e posto a receita pra vocês. Aguardem.

Abraço,

Igor

RECEITA DE MOLHO PESTO

Molhos… isso é algo que apreciamos muito aqui em casa. Sempre estamos improvisando e inventando molhos novos, que usamos nas carnes e nas massas (o que sobra como até com pão!). E hoje quero falar sobre um meus molhos preferidos: O Molho Pesto. Você conhece? É simplesmente di-vi-no!!!

pesto1

O Molho Pesto é original de Gênova na Itália. É usado muito nas massas e carnes. A matéria prima dele é o manjericão, acompanhado de pinhole, alho e azeite. O nome deste molho vem de “Pestello” (pilão, em italiano), usado para esmagar ervas e grãos.

pesto2

Mas vamos parar com a firula e partir pro assunto principal. A RECEITA:
Você vai precisar de:
2 xícaras de folhas de manjericão (se você usar o desidratado não terá o mesmo resultado)
2 dentes de alho grandes
1 xícara de queijo parmesão
1 xícara de pinhole (nozes)
1/2 xícara de azeite de oliva
Sal a gosto

Coloque no liquidificador o manjericão, o alho, o parmesão, o pinhole e o azeite. Bata bem e se necessário, acrescente um pouco mais de azeite. A consistência deve ser cremosa. Aqueça o molho na panela junto com o prato escolhido(macarrão ou carne).
E bom apetite!!!

pesto3

Vou falar sobre outros molhos mais pra frente. Portanto, fiquem espertos “homens da cozinha”.

Abraço,

Igor