Arquivo de Tag | interação pai e filho

Brinque com seus filhos!

Lembrar da infância é lembrar de brincadeira. Ou deveria ser, eu acho.

brincar1.jpg

Para muitos, lembrar da infância é esquecer por um momento das turbulências da vida adulta. E acho que todas as pessoas, de todas a idades, não deveriam se privar das brincadeiras, principalmente para quem tem filho(s), pois muito mais do que momentos de lazer e distração, as brincadeiras permeiam nossa relação com o mundo de forma inocente e natural.

Elas estão ligadas ao desenvolvimento da criança e à interação com os outros, com ela mesma e com o mundo. Brincar está profundamente ligado à aprendizagem, principalmente nos primeiros anos, e é através dos brinquedos e das brincadeiras que a criança descobre o seu papel no mundo. A criança fala muito através da brincadeira. Brincar é uma questão de composição do ser humano, do indivíduo. Ela se expressa, se desenvolve, se integra através do brincar, que tem que ser prazeroso.

brincar2A brincadeira acontece para muito além do brinquedo material. Seu corpo pode (e deve) ser o motor da brincadeira. Brincando ao seu lado, e com você, a criança desenvolve muito melhor a criatividade, a autonomia, a tomada de decisão, a relação com ela mesma, a expressão corporal, dentre outros benefícios. Mas o mais importante é a interação com o papai e a mamãe, pois ela verá os pais como seus melhores amigos. E te garanto, você se divertirá muito com ela!

A interação de pais e filhos por meio do brincar é muito importante, mas os pais precisam entender que “o brincar junto não é brincar pela criança”. É preciso “entrar no mundo imaginário delas”, criar, imaginar, viajar no universo da criatividade delas, se tornar, literalmente, uma criança.

Porém, muitos pais acham que acompanhar os momentos de brincadeira dos filhos é sentar-se e observar o que eles fazem, quando na verdade essa presença sem interações não interfere em nada no momento da criança. Simplesmente observar os momentos de lazer do seu filho tem o mesmo valor de não estar presente e certamente não é isso que você deseja, não é?

Muitos pais chegam em casa cansados e estressados e só o que pensam é no seu descanso. Mas meus amigos, sinto informar que “descanso” não lhes pertence mais 🙂 ! este é um ônus da paternidade e da maternidade, e vocês papais, precisam entender isso. Seus filhos precisam brincar (com os pais) nem que seja por 15 minutos, mas que seja se entregando ao momento de alma, coração… e corpo!

Então, papai e mamãe… sempre que puderem, tirem um tempinho para brincar (brincar de verdade) com seus filhos. Sentem, deitem, rolem no chão com eles. Pulem, dancem, cantem, gritem… lambuzem-se de tinta, de lama, brinquem de tomar banho de chuva… Brinque de roda com eles, de amarelinha, de cabaninha, de esconde-esconde, pega-pega… brinquem muito!!! Esqueçam do mundo lá fora! Façam a magia da alegria acontecer em suas vidas! Transformem-se em fadas, duendes, dinossauros, robôs, bonecas, princesas… ou o que seus filhos desejarem neste momento tão especial.

brincar3

Não se preocupe com a bagunça… Bagunça se arruma depois. O momento que você viverá com seus filhos, será único, e ficará para sempre guardado na lembrança e no coração… de vocês, pais… e principalmente, DELES!

Sabe aquele dia em que nada dá certo pra você? Aquele dia que você passa o tempo todo pensando que não deveria ter levantado da cama? Dia tenso, cheio de trabalho e stress?

Seus filhos são a cura para isso! Por experiência própria. Afirmo isso com autoridade. Lorenzo se tornou meu antídoto contra qualquer mal que tente me assombrar! Quando estou ficando fraca, ele que me ajuda… brincando comigo! O melhor remédio para stress do mundo… o melhor remédio da vida… é SORRIR!

Pensem nisso.

Bjs

cropped-meuavatarassinatura.png

 

Anúncios