8 DICAS DE COMO NÃO SER INCONVENIENTE

Não sou perfeita, nem você é. Aliás, ninguém é perfeito neste mundo!

Mas precisamos nos avaliar o tempo todo, para saber se estamos fazendo a nossa parte no sentido de melhorar nossas atitudes. Eu pelo menos tento fazer isso sempre, mas todos nós sabemos que tem gente que nem se esforça em ser mais agradável e acha que suas atitudes irritantes, são absolutamente normais!!!

Eu tolero “quase” todos os defeitos dos outros. Sim, porque defeitos todos nós temos.O meu “quase” entre aspas, serve para destacar que, de todos os nossos defeitos, dois deles eu não tolero de jeito nenhum: pessoas falsas e/ou mentirosas, e pessoas INCONVENIENTES. E é sobre este tipo de pessoa que quero falar hoje: PESSOAS INCONVENIENTES.

Até porque precisamos saber quando estamos sendo inconvenientes também. Ás vezes acabamos fazendo coisas chatas involuntariamente, com a melhor das intenções. Mas temos que saber se as outras pessoas vão encarar da mesma forma. Portanto, que tal uma autoavaliação sobre seu comportamento com seus colegas de trabalho, amigos e familiares nos últimos tempos? Será que você não está bancando o(a) inconveniente também?

Bem, se você se enquadrar em 2 das 8 características abaixo, está na hora de rever os seus conceitos, ok? Não queremos que você seja um(a) chato(a). E se eu também for assim, por favor, me corriJam. Adoro críticas construtivas.
Vamos lá:

inconveniencia4
1.PIADINHAS SEM GRAÇA: Não tem nada mais chato do que aquele amigo que nunca perde a oportunidade de soltar uma piadinha sem graça, não é? O pior é que são sempre as mesmas e ele é o único que ainda ri delas. Meu, na boa! Ninguém mais aguenta a piadinha do “pavê ou pacumê” na hora da sobremesa! Já deu!!!

inconveniencia2
2. PEGADINHAS INCONVENIENTES: Outra coisa chata! Uma sacanagem sadia com os amigos de vez em quando é divertido e eu adoro fazer! Mas aquele cara que faz isso o tempo todo com todo mundo no churrasco, é muito chato. A gente vê ele chegando e já quer sair de perto, com medo de ser mais uma das suas vítimas. Já ouviu o ditado que “brincadeira tem hora”??? Então… fica a dica.

inconveniencia3
3.INTERROMPENDO CONVERSAS: Esta é uma atitude inconveniente clássica. Quando todos estão focados num assunto em comum, interagindo e se entendendo, surge aquele “ser”, que, do nada, muda de assunto, e não deixa mais ninguém falar. Tudo por que ele tem a necessidade de ser o centro das atenções o tempo todo para se sentir importante e acha que seu assunto sempre é o mais interessante. Menos né?!?

inconveniencia1
4.FALANDO COISAS INCONVENIENTES: Se você já passou por este tipo de situação, vai entender o enunciado deste tópico. Como é desagradável ser surpreendido com uma pergunta constrangedora por alguém inconveniente, não é? Eu diria que além de inconveniente, este tipo de pessoa é desagradável ao extremo. Tem hora pra tudo, principalmente para abrir a boca para falar besteira. Se não tem o que falar, fique de boca calada que você será muito mais simpático(a).

inconveniencia6
5.LIGANDO NAS HORAS ERRADAS: Gente, isso é muito chato! Eu não faria isso nem com um inimigo, se eu tivesse! Você tem o dia todo para ligar para alguém, mas deixa para fazer isso de madrugada, por que está sem sono. A pessoa do outro lado levanta da cama (sim, porque noites e madrugadas são feitas para dormir e descansar!), e corre desesperado atender o telefone achando que pode ser algo urgente, e ouve a típica pergunta “te acordei?” ou “estava dormindo?” e no final das contas, você só ligou pra jogar papo fora. Tudo bem. Você pode fazer isso, mas nas horas certas, ok?

Isso vale também para quem adora acordar os amigos as 7h da manhã de domingo, pra falar asneira, e também para aqueles que não entendem que se a pessoa não te atendeu na primeira ou segunda ligação, é porque ela não pode, ou simplemente não quer atender o telefone naquele momento! Mas você insiste e liga 10 vezes seguidas! Isso é ser um mestre da inconveniência. Portanto, espere. A pessoa verá que você ligou e retornará a ligação, quando ela puder, ok?

inconveniencia7
6.REPARANDO EM TUDO E EM TODOS: Sabe aquelas pessoas que reparam em você dos pés a cabeça cada vez que te veem? Elas querem saber onde você comprou o sapato lindo, quanto pagou na jaqueta? Se foi a vista ou no cartão? Afff… sem comentários, não é mesmo? E o que dizer daquelas pessoas que chegam na sua casa e ficam reparando em tudo e achando defeitos nas suas coisas… Pessoas que ficam dando pitaco na cor da cortina que você deveria usar na sala, ou questionando o porquê da roda que você colocou no carro, ou então as que adoram menosprezar suas coisas, em comparação com as delas. Admita, você conhece alguém assim! Todos nós conhecemos pessoas assim. E se você faz isso, pare agora mesmo! Isso é muito desagradável.

inconveniencia8
7.VICIADOS EM INTERNET: Seja no notebook, Ipad, tablet, celular… essas pessoas não desgrudam na internet por nada. É extremamente irritante visitar uma pessoa (pior ainda é quando a pessoa vai te visitar), e ao invés de te dar atenção, conversar, fofocar, jogar baralho, sei lá… tiram da mochila seus “amiguinhos” e ficam o tempo todo no facebook, twitter, etc, e ainda acham que você deve se interessar pelo que está acontecendo nas redes sociais deles. Pessoinhas do meu coração: não é pecado gostar de navegar na internet, mas escolha um momento mais apropriado, de preferência quando você estiver sozinho em casa. A pessoa que está do seu lado, quer sua atenção, e não gosta de se sentir rejeitada e ignorada, ok?

visita
8. VISITAS INESPERADAS: Neste ponto, há quem discorde do meu ponto de vista, por não enxergarem isso como uma inconveniência. Mas aprendi desde pequena que para visitar alguém que gostamos, primeiramente devemos ter a certeza de que a pessoa pode nos receber em sua casa. Por isso sempre ligo antes e pergunto se a pessoa estará em casa, se tem compromisso e se pode me receber. Não é por nada, gente. Mas imagine você em casa, numa noite em que você resolve ficar só de chinelo e pijama, e se programa pra assistir aquele filme legal com seu love, ou fazer um jantar romântico a luz de velas, só vocês dois… ou então naquele dia que você escolhe pra passar dormindo e descansando… derrepente a campainha ou a buzina toca… e lá está o “ser” que chegou na sua casa sem avisar!!! Já era seu programinha particular pois é lógico que você não irá dispensá-lo né? Afinal, VOCÊ tem educação.

Mas me responda: para que serve o telefone nestas horas? Para enfeitar a estante na sala! Só pra isso.
Eu adoro receber visitas, juro! Mas acho indispensável que haja um agendamento prévio, até mesmo para dar tempo de preparar um café legal, ou um almoço ou jantar especial para vocês, ok?

Eu poderia relacionar aqui mais um monte de características dos inconvenientes, mas acho que estes 8 exemplos já são suficientes para que você não se torne um “chato de galocha”, e também para ajudar aqueles amigos “sem noção” que você tanto ama, mas que merecem uma dose de “semancol” de vez em quando.

Um beijo.

Sol Ferrari

Anúncios

2 pensamentos sobre “8 DICAS DE COMO NÃO SER INCONVENIENTE

O que você achou deste artigo? Comenta aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s